O melhor de: Leighton Meester

 

 

Leighton no Emmy Awards de 2009 de Bottega Veneta

De Michael Kors na Premiere do seu novo filme “The Rommate”

No Golden Globes, de Burberry Prorsum

De Miu Miu nos pés e Céline Luggage nos braços

De novo de Bottega Veneta no VMA de 2009

No MTV Movie Awards 2011 de Balmain

De bolsa Derek Lam de Leopard Print, em algum lugar

De PucciLouboutins, no Teens Choice Award

 

 

 

 

Anúncios

Karla Derass em: 21 Juicy Questions

Eu já falei dessa blogueira pra vocês aqui, lembram?
Atualmente é o blog que mais visito, e o Closet que mais cobiço! Karla está sempre impecável, mesmo que esteja indo ao shopping sempre está muito elegante.
Ela abusa dos maxi acessórios, não é nada discreta nesse ponto. É coisa que admiro e acho que dá uma cara totalmente diferente ao look, já eu sou péssima pra escolher e combinar acessórios, então acabo ficando no brinquinho de bolinha + algumas pulseiras douradas e .
Maxi saias, vestidos estilo princesinha, vestidos tubo, calças estampasdas, um bom e velho jeans Levi’s e MUITO muito vintage, são algumas peças que compõem o closet da moça. Sem falar dos incríveis louboutins, pradas, givenchy, YSL, etc etc saltos dela né!? Outra coisa que ela investe muito são os cintos e s clutchs. Chiquérrima!

Estava pelo tumblr da Juicy Couture e encontrei essa entrevista de 21 itens com a Karla, e como fã numero 1 resolvi postar aqui.

(Tradução livre by eu mesma)

 

1. MEU LUGAR FAVORITO PARA TIRAR FOTOS: Eu adoro fotografar em Thousand Oaks—lá tem alguns adoráveis espaços ao ar livre que são perfeitos para descansar e posar!

Essa blusa de linho branco da Juicy Couture é perfeita para vestir com jeans casual. Adicione um cinto bacana, um par de óculos e saltos altíssimos—e você está pronta!

2. OS ITENS DO ARMÁRIO QUE ESTÃO ATUALMENTE EM RODÍZIO: Levi’s Vintage 501s estão em constante revezamento!

3. UMA TENDÊNCIA QUAL SEMPRE IREI FICAR DE FORA: Qualquer coisa classificada em “rocker chic

4. VOCÊ GOSTARIA DE ME LEVAR PARA JANTAR FORA, EU SUGIRO…. Peppone em Brentwood—meu restaurante favorito do mundo inteiro!

Por mais que eu adore vestidos de bolinhas e saias rodadas estilo anos 50, também sou fã de vestidos simples de seda, perfeitos para aqueles dias extra quentes de verão que temos que temos aqui em LA. Eu adoro jóias grossas de ouro, aí eu coloco um colar vintage Erwin Pearl e sapatos Chloe de laço (todo mundo diz que o laço parece farfalle) para adicionar um sabor pop ao vestido!

5. MINHA POSE FAVORITA PARA AS FOTOS DO BLOG: Uma foto em movimento sempre fica bem. Eu sou uma grande fã de andar, rodopiar e correr enquanto tiram a foto.

6. O LOOK-ASSINATURA QUE EU SEMPRE VOU USAR: Jeans vintage com uma blusinha de algodão, lenço de seda na cabela, enormes brincos de argola e plataformas.

 

7. SÃO 22 HORAS EM UM SÁBADO, VOCÊ PODE ME ENCONTRAR… Em um jantar com meus amigos, comendo um tartare de atum do Farfalla em Westlake. Ou, dependendo do meu humor, você também poderá me encontrar jogada no sofá com um rob confortável e meu laptop.

8. O MOMENTO QUE INSPIROU MEU BLOG: Quando eu descobri The Sartorialist depois de incontáveis horas navegando na internet.

9.  MEU ÍCONE DE ESTILO: Eu gosto de Jacqueline De Ribes, Michelle Harper e Andreé Putman. Eu me inspiro em pessoas que sempre se vestem como se estivessem indo à um lugar muito importante!

Está um pouco frio em L.A nesses últimos dias, então eu pensei que faria sentido colocar um vestido-camiseta colado por baixo desse vestido jeans mini. Honestamente, não me manteve aquecida nenhum pouco, mas eu adoro a ideia de poder sobrepor um vestido sobre o outro. Adicionei uns acessórios brilhantes, sapato de estampa de leopardo e um bracelete de dança do ventre que achei no Flea Market pra ficar um pouco mais “daytime glam”.

10. MINHA ATUAL OBSESSÃO NÃO-FASHION: Quesadillas de frango e Creme de Corps da Kiehl’s.

11.  SE VOCÊ PERGUNTASSE MINHA DICA N. 1 DE ESTILO, EU DIRIA … É melhor estar bem arrumado demais do que de menos. (amey)

The little white dress (O pequeno vestido branco).
Definitivamente vai ser elemento básico no meu guarda-roupa neste verão. Eu já adquiri dois de renda vintage, e agora esse de pequenos furinhos da Juicy Couture, que por sinal estou apaixonada! Eu usei com um chapéu panamá J. Crew, óculos Super e Givenchy sandals.

12. O MELHOR PRESENTE QUE EU JÁ RECEBI: Meu namorado me deu de presente de aniversário de 18 anos aulas de pára-quedismo. Pára-quedismo foi sempre uma das coisas na minha bucket list (lista de coisas pra fazer antes de morrer).

13. MEU DESTINO DE VIAGEM FAVORITO: Wailea Beach em Maui.

14. MINHA COISA PREFERIDA SOBRE L.A: O clima!

15. VOCÊ DIZ MOLETOM DA JUICY, EU DIGO… Todos os meus amigos no colegial usavam o mesmo conjunto de moletom monocromático quase todos os dias do ano letivo.

16. MAIS RECENTE COMPRA: Um vestido de formatura de renda e tule dos anos 50.

17. A ÚLTIMA MÚSICA QUE OUVI: “Adore” do Prince—Eu sei praticamente cada palavra dessa música!

18. O ÚLTIMO LIVRO QUE  VALEU A PENA TER LIDO: Where the Sidewalk Ends de Shel Silverstein.

19. O ÚLTIMO FILME QUE VALEU A PENA TER ASSISTIDO: A New Kind of Love.

20. MINHA ATUAL “GIRL CRUSH“: Zoe Saldana.

21. ESMALTE FAVORITO: Craving Coral da Revlon ou Geranium da Essie.

 

Como diriam no tumblr da juicy: I love to love her!

A democracia da moda

Outro dia li por aí em um blog da vida, algo um tanto quanto equivocado: combinar bolsa com sapato, o que antigamente era considerado regra fashion, hoje é cometer um erro grave. 

Isso me deixou pensando como hoje em dia a moda é democrática.
Em tempos de liberdade de expressão, ela não poderia ser diferente. Há uns tempos atrás a moda era uma ditadura, e combinar bolsa com sapato era representação de classe social. Ditada pela high couture, a moda excluía os menos nobres e aqueles que não seguissem os padrões exatos da época. Hoje em dia não é mais assim, e equivocado está quem ainda usa a expressão “ditadura da moda”.

Estilo New Look de Christian Dior nos anos 50

Antigamente, vestia-se de uma maneira padronizada. Com um bom estilista, um bom título de nobreza ou conta bancária, você tinha 90% das chances de acertar. Hoje em dia as possibilidades são muito mais amplas, e ter dinheiro não é mais sinônimo de classe. Ter identidade é mais importante.

Grace Kelly com sua Hèrmes

Hoje em dia a moda é representação de estilo pessoal e cultural. Vai além das vitrines luxuosas, além de qualquer revista ou passarela. Está na identidade de cada um. O que também facilita muito mais o erro.

Os red carpets de hoje em dia não me deixam mentir. É cada absurdo que se vê por aí, que fico me perguntando como essas pessoas que ganham tanto dinheiro e não se preocupam com o básico: investir em um bom stylist e cuidar da sua imagem.
Com um pouco de bom gosto (e dinheiro também, claro), só é preciso traduzir sua ID para a roupa, sem medo de errar. Claro que ela não vai agradar à todos, mas só o fato de você estar segura e se sentindo maravilhosa haha, você vai estar.

Ke$ha como sempre arrasando. Não tinha verba pro look, rasgou o pretinho básico e colou tiras de saco de lixo, amyga?
E a Avril? Comprou o dress no Bom Retiro?

Hoje em dia o vintage é chic, o básico é chic, a mistura é chic, três mil tipos estampas são chics, três mil tipos de cortes são chics, o caro é chic, o barato é chic, o geek é chic (haha). Só basta somar tudo isso à um pouco de bom senso, que apesar de chic, está em extinção hoje em dia!

%d blogueiros gostam disto: